Tertúlia dos Direitos Humanos

  • 7 I cantar
  • IMG_20191210_143237
  • cartaz direitos humanos

 

É imperativo continuarmos a falar dos “Direitos Humanos”, porque apesar de estarmos no século XXI e de, à partida, sermos todos iguais e termos os mesmos direitos, independentemente da cor, raça, etnia, religião, etc., sabemos que, na realidade, não é assim. Infelizmente, nos nossos dias, ainda assistimos a momentos em que esses mesmos direitos são continuamente desrespeitados, criando uma sociedade cada vez mais injusta.

No sentido de alertar os jovens para esta problemática, tornava-se necessário refletirmos sobre o que devíamos fazer para corrigir estas injustiças. A nosso ver um pequeno contributo seria a divulgação do trabalho de grandes humanistas, como Mahatma Gandhi, Thomas Jefferson, Eleanor Roosevelt, Martin Luther King, Nelson Mandela, entre tantos outros, que, ao longo dos tempos, pugnaram por um mundo melhor. Inspirados pelo lema de vida destes grandes Homens, incentivámos os alunos das turmas A, B e I, do 7º ano de escolaridade, da Escola Secundária Emídio Garcia, a realizarem uma tertúlia de forma a divulgar os Direitos de todos nós.

A iniciativa foi aceite e brilhantemente realizada no dia 10 de dezembro de 2019. A escolha da data não foi ao acaso, pois só podia ser neste dia, porque se comemora o septuagésimo primeiro ano da adoção, pelas Nações Unidas, da “Declaração Universal de Direitos Humanos”.

Os alunos do 7ºA cantaram o “Hino da alegria”, poema do poeta alemão Friedrich Schiller, orientados pelo professor João Dias do Conservatório de Música de Bragança. Seguido de um desfile dos “Direitos Humanos”, protagonizado pelos alunos do 7º B e I. Declamaram o poema “Rua da Chegada, Rua da Partida”, de Charlotte Delbo da obra “Auschwitz e Depois”) com a visualização, em simultâneo, de imagens do campo de concentração de Auschwitz. No encerramento realizou-se um jogo-síntese sobre a temática em foco, com a participação entusiástica dos discentes.

Resta-nos agradecer aos participantes, pelo seu empenho e esforço, e a todos que estiveram presentes nesta apresentação, porque é preciso refletir com os jovens sobre temáticas que a todos dizem respeito.

 

Professoras: Ana Anes, Helena Dinis, Julieta Alves

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *